Hotur Consultants

Ferramentas de Coaching

Março 24th, 2017
Ferramentas de coaching

 

O livro Ferramentas de Coaching permite compreender melhor o processo de Coaching, percebendo quais são os objectivos e métodos do mesmo, com base em procedimentos e ferramentas práticas apresentados pelos autores.

Autor: João Catalão e Ana Teresa Penim

Editora: Lidel

Índice:
Parte 1 – A razão de ser deste livro
Parte 2 – 50 Ferramentas de Coaching
Parte 3 – Contribuições de Especialistas
Parte 4 – Anexos

Resumo do Livro:
O Coach, como qualquer outro profissional especializado, que tem a obrigação de promover o seu autodesenvolvimento e formação contínua. Além disso, deverá ter Supervisão de um experiente supervisor externo, de forma a obter uma reflexão sobre o seu desempenho com vista à melhoria contínua.
Numa fase inicial o Coach celebra um contrato com o cliente com vista à clarificação do processo e suas condições. A confidencialidade de todos os assuntos discutidos é uma das condições estabelecidas.
No desenvolvimento do processo de Conching, o Coach vai estabelecer uma relação de empatia e confiança, fundamental para que o cliente inicie o processo de mudança.
O Coach, através do Rapport, deverá ter a capacidade de sincronizar com o cliente, utilizando algumas técnicas como a escuta ativa, escuta estruturada, fornecer feed-back reformulação, perguntas poderosas, entre outras muitas outras técnicas apresentadas pelos autores, com vista a que o cliente se sinta motivado a atingir as metas determinadas no processo.
O cliente deverá começar por ter a consciência das suas competências e pontos fortes, sendo as soft skills, as capacidades que mais devem ser exploradas. Em seguida, o cliente determina as metas a atingir, estabelece um plano de ação de forma a atingir os objectivos propostos.
O Cliente terá que ter consciência da necessidade de mudança, ultrapassando crenças limitadoras e, acima de tudo, terá que ter vontade e energia para operacionalizar as açoes previstas.
Durante as sessões de Coching o Coach deverá utilizar as técnicas mais adequadas à situação e ao cliente, pois cada ser é individual e único.

Frases Chave:
“A Autoavaliação do Coach deve ser uma prática sistemática.”
“Importa referir que empatia não é um sinónimo de simpatia…”
“Escutar não é um ato naturalmente fácil! O ser humano gosta muito mais de falar do que de escutar.”
“O questionamento e a mudança acontecem em simultâneo.”
“O futuro é resultado do presente.”
“Consideramos que as perguntas são a ignição do Coaching…”
“A reflexão sobre si próprio é um exercício útil num processo de Coaching…”
“O estabelecimento de objetivos é, assim, importante, porque define a direção e reforça o sentido das sessões de Coaching.”
“Existindo grande empatia na relação e pretendendo o Coach apoiar de facto o seu Cliente, existe o perigo da tentação do Coach passar a conselheiro.”
“Não basta ter consciência das circunstâncias, é preciso ter real vontade e energia para mudar.”
“Consciencialização e Responsabilização, sem Açao, será igual a resultado zero.”

 ________________________________________________________________

Se gostou do artigo, Partilhe!

Consulte os serviços da Hotur Consultants.

PartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone

0 Comments

Deixe uma resposta